Queijos e vinhos… a harmonização mais desejada! É inverno e as temperaturas estão bem baixas em algumas regiões do Brasil. Clima ideal para se apreciar um vinho, mas, para ficar ainda mais perfeito, nada melhor do que harmonizar com queijos!

Imagem: A harmonização entre queijos e vinhos é uma das mais desejadas e é a combinação perfeita para as noites mais frias de inverno. Foto: Equipe Oxford.

A harmonização entre queijos e vinhos é uma das mais desejadas e é a combinação perfeita para as noites mais frias de inverno. Foto: Equipe Oxford.

 

Sim, é fato: pensou em vinho, o queijo já vem na cabeça e vice-versa. E também é fato que essa é uma das harmonizações mais complexas de se fazer, pois o teor de sal, gordura e persistência do sabor dos queijos interferem na harmonização. Para poder deixar esse momento mais descontraído e ágil na hora de comprar os queijos e vinhos, preparamos algumas dicas bem especiais!

Dicas para harmonizar queijos e vinhos

1 – Decidir se você quer harmonizar pelo vinho ou pelo queijo, pois a maioria das vezes não sabemos o que queremos quando vemos vários tipos de queijos e vinhos, então o primeiro passo é filtrar!

Imagem: Para a degustação de vinhos ser ainda mais completa, o uso de um decanter é essencial. A Oxford Crystal possui um modelo feito à mão com puro cristal. Foto: Equipe Oxford.

Para a degustação de vinhos ser ainda mais completa, o uso de um decanter é essencial. A Oxford Crystal possui um modelo feito à mão com puro cristal. Foto: Equipe Oxford.

 

2 – Se for fazer uma noite somente de queijos e vinhos, isto é, se você não não irá servir mais nada, é importante ter torradas e pães para que os convidados possam, entre um tipo de queijo e outro, comer e “limpar a boca”, ou seja, atenuar o sabor do queijo que já degustaram para poder ir para o próximo.

Imagem: Na hora de harmonizar queijos e vinhos, é importante levar em consideração os fatores como o teor de sal, gordura e persistência do sabor dos queijos. Foto: Equipe Oxford.

Na hora de harmonizar queijos e vinhos, é importante levar em consideração os fatores como o teor de sal, gordura e persistência do sabor dos queijos. Foto: Equipe Oxford.

 

3 – Ter belos queijos e vinhos na mesa não dá garantia de sucesso na harmonização. Se a temperatura ideal de servir os vinhos não for respeitada, por exemplo, alguns tipos de vinhos poderão dar sensação de serem mais alcoólicos, mais ácidos, ou podem acentuar os taninos (travar a boca). Aqui começam os principais erros de harmonização, por isso, veja tudo sobre a temperatura ideal para se servir vinhos nesse outro post aqui.

Imagem: Servir os vinhos na temperatura ideal é muito importante para o sucesso da degustação. Foto: Equipe Oxford.

Servir os vinhos na temperatura ideal é muito importante para o sucesso da degustação. Foto: Equipe Oxford.

As melhores combinações de queijos e vinhos

O queijo brie e o cammembert, são queijos macios e levemente adocicados. Na maioria das vezes, eles são gratinados no forno e servidos com uma geleia em cima. Podem ser harmonizados com um espumante Brut ou Demi-Sec para um bom início!

 

O queijo Gouda já possui teor de gordura mais presente, com fim de boca (final do sabor) levemente adocicado. Portanto, aqui já é possível harmonizar com um vinho tinto produzido com a uva Merlot ou Carmenère, pois a acidez presente nesses vinhos irá balancear a gordura após a degustação do queijo.

 

O queijo Emmenthal já possui um sabor persistente e teor de gordura médio. Esse tipo de queijo pode ser servido com vinho tinto Malbec ou Shiraz, pois ambos irão se complementar em boca.

 

O clássico queijo gorgonzola tem um sabor super persistente, teor de gordura elevado e o teor de sal mais acentuado, perfeito para fazer harmonização por contraste, isto é, servir vinhos adocicados! Um bom espumante moscatel ou vinho de colheita tardia tornará esse momento especial! Agora, é só fazer tim tim! Beba com moderação!

Imagem: A Oxford possui uma travessa de porcelana que já traz na própria decoração diversas sugestões de harmonização com queijos e vinhos.

A Oxford possui uma travessa de porcelana que já traz na própria decoração diversas sugestões de harmonização com queijos e vinhos.

Veja mais